Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

DYLAN´S WORLD

"Fui à floresta viver de livre vontade, para sugar o tutano da vida. Aniquilar tudo o que não era vida. Para, quando morrer, não descobrir que não vivi". (Henry David Thoreau)

DYLAN´S WORLD

"Fui à floresta viver de livre vontade, para sugar o tutano da vida. Aniquilar tudo o que não era vida. Para, quando morrer, não descobrir que não vivi". (Henry David Thoreau)

29.06.21

A chave do sucesso

Dylan
  Reflecti sobre a fraca prestação da Selecção portuguesa no Europeu de futebol e há coisas que têm de mudar. Precisamos do vice-almirante Gouveia e Melo como treinador e do seu camuflado que futuramente tornar-se-á tão icónico como o sobretudo cinzento do José Mourinho. A chave do sucesso passaria por contratar Manuel Luís Goucha como consultor de moda e alterar aquele feio equipamento azul turquesa com listas horizontais. Cristina Ferreira também podia relatar os jogos (...)
15.10.18

Mudam-se os tempos e as vontades

Dylan
    Antigamente os furacões só varriam terreno americano, agora também destroem Portugal com violentíssimas rajadas de vento. Antes, dizia-se que não havia "toupeiras", os presidentes dos clubes de futebol "adivinhavam" que tinham de fugir para Vigo para escapar aos mandados de detenção, agora apresentam-se voluntariamente nos departamentos de investigação por caridade. Dantes, uma violação era sempre uma violação, independentemente dos protagonistas, agora se o violador (...)
12.10.14

Lixo tóxico

Dylan
Parece que as agências de "rating" continuam a colocar Portugal no "lixo". É normal, a actividade de certos humanos, produtores de resíduos, transformaram este país num gigantesco aterro sanitário. A imundície começou com os resíduos sólidos urbanos (...)
26.08.14

Desplante americano

Dylan
  A América, esse demónio que nos tenta através da sua maravilhosa literatura, da música, dos filmes, que nos obriga a consumir tabaco, refrigerantes e "fast-food", acaba de descobrir uma espécie de soro que impede a evolução do vírus Ébola. Num acto egoísta, sem pompa e circunstância,  informa toda a (...)