Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

DYLAN´S WORLD

"Fui à floresta viver de livre vontade, para sugar o tutano da vida. Aniquilar tudo o que não era vida. Para, quando morrer, não descobrir que não vivi". (Henry David Thoreau)

DYLAN´S WORLD

"Fui à floresta viver de livre vontade, para sugar o tutano da vida. Aniquilar tudo o que não era vida. Para, quando morrer, não descobrir que não vivi". (Henry David Thoreau)

Dom | 11.11.18

O Portal do Inferno

Dylan

IMG_6570.JPG

IMG_6571.JPG

IMG_6598.JPG

IMG_6575.JPG

No limite entre os municípios de Arouca e São Pedro do Sul, no extremo oriental do Maciço da Gralheira, situa-se o Portal do Inferno, um miradouro situado em plena Serra da Arada, a cerca de 1000 metros de altitude. O Portal do Inferno é uma espécie de abismo, onde a Estrada Municipal 567 estreita ao passar por duas vertentes íngremes. Pelas vertigens, pelas curvas e contracurvas, dizem que o Diabo andou por aqui, amedrontando durante muito tempo todos os que por ali passaram, existindo mesmo a lenda "do morto que matou o vivo". Este local é referenciado como um Geosítio do Arouca Geopark, nomeadamente as rochas que foram moldadas pelos agentes de geodinâmica externa, os vales escarpados no xisto e especialmente “a garra”, que não é mais que montanha cortada por diversas linhas de água profundas que lembram a separação de dedos de uma garra de uma ave.

N.B.: Esqueçam as selfies, este é um sítio belo mas também muito perigoso, nomeadamente a estrada onde só cabe um carro de cada vez. Por se situar a grande altitude, entre dois vales escarpados, é comum vento forte. Qualquer distracção pode ser fatal, por isso recomendo deixar o automóvel o mais longe possível e fazer uma pequena caminhada no asfalto.

https://aboutportugal-dylan.blogspot.com/
#montanhasmágicas #AroucaGeopark #SerradaArada#RotadaÁguaedaPedra #PortaldoInferno #Arouca #SãoPedrodoSul

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.