Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

DYLAN´S WORLD

"Fui à floresta viver de livre vontade, para sugar o tutano da vida. Aniquilar tudo o que não era vida. Para, quando morrer, não descobrir que não vivi". (Henry David Thoreau)

DYLAN´S WORLD

"Fui à floresta viver de livre vontade, para sugar o tutano da vida. Aniquilar tudo o que não era vida. Para, quando morrer, não descobrir que não vivi". (Henry David Thoreau)

Seg | 15.11.10

Fanatismo islâmico

Dylan

 

Os recentes ataques cobardes no Iraque contra uma igreja em Bagdad por fundamentalistas islâmicos, vem acentuar a imagem de retrocesso civilizacional que o Ocidente tem da cultura árabe.  Desde logo, o facto de não aceitarem a liberdade religiosa de outros cultos, intimidando, se necessário. O seu grandioso legado cultural foi substituído pelo medo, pelo atraso científico e técnico, pela subjugação da mulher em prol do endeusamento do homem, pelo entrave ao desenvolvimento das populações. A interpretação fanática e radical do Islão, travestido de ideologia política, é a grande exportação da sua economia. Por isso, a Europa olha de soslaio, com uma espécie de temor reverencial. Como disse Angela Merkl, "o multiculturalismo falhou", não tanto como o orgulho exacerbado de alguns que pedem a morte para quem romanceia através de uns versículos ou para quem cria umas caricaturas de um profeta. Fazendo minhas as palavras de Kurt Westergaard, o cartoonista, "quando se é fanático vive-se uma vida sem dúvida, mas a dúvida, é o sentimento mas construtivo que podemos ter".

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.