Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

DYLAN´S WORLD

"Fui à floresta viver de livre vontade, para sugar o tutano da vida. Aniquilar tudo o que não era vida. Para, quando morrer, não descobrir que não vivi". (Henry David Thoreau)

DYLAN´S WORLD

"Fui à floresta viver de livre vontade, para sugar o tutano da vida. Aniquilar tudo o que não era vida. Para, quando morrer, não descobrir que não vivi". (Henry David Thoreau)

Qua | 07.01.09

O conflito israelo-palestiniano

Dylan

A comunidade internacional apressou-se a condenar a invasão israelita aos territórios palestinianos. Sem dúvida que têm razão. Mas será que também tiveram a mesma atitude aquando da invasão russa à Georgia? E por falar em Russia, não foi a ex-URSS que fomentou sub-repticiamente a "Guerra dos Seis Dias" ao colocar-se do lado da aliança árabe? Será que alguém condena as palavras de instigação à guerra e à "intifada" anti-semita do iraniano Amandinejah ou as suas ameças nucleares?
 

Mas afinal quem governa a Palestina? Não são partidos fanáticos que inclusive degladiam-se para tomar o poder? Israel abandonou alguns territórios da Faixa de Gaza e da Cisjordânia para evitar mais conflitos e pelos vistos levava com uns "rockets" de agradecimento! A frágil Autoridade Palestiniana não consegue controlar os grupos de extremistas. É preciso ponderar friamente a situação no Médio Oriente e atentar nas palavras de Robert Cooper: "o conflito alimenta o fanatismo e proporciona aos fanáticos os meios de destruição". E nos dois lados da barricada são os inocentes que sofrem mais.
 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.