Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

DYLAN´S WORLD

"Fui à floresta viver de livre vontade, para sugar o tutano da vida. Aniquilar tudo o que não era vida. Para, quando morrer, não descobrir que não vivi". (Henry David Thoreau)

DYLAN´S WORLD

"Fui à floresta viver de livre vontade, para sugar o tutano da vida. Aniquilar tudo o que não era vida. Para, quando morrer, não descobrir que não vivi". (Henry David Thoreau)

Mundo laranja

 

Os congressos do PSD têm, ano após ano, tentado ressuscitar Sá Carneiro, mas o máximo que conseguiram, até hoje, foi ressuscitar José Relvas. Duvido mesmo que Sá Carneiro, tresmalhado, aparecesse junto daquele rebanho que apregoa os valores da social-democracia mas transpira falsidade por todos os poros. E entre declarações de lambebotismo interesseiro e ódio ao PS, pouco resta: umas necessárias "pancadinhas" porque "a vida dos portugueses não está melhor mas o país está". Neste mundo à parte, laranja, só espero uma resposta condizente dos portugueses nas europeias e legislativas de 2015, para trazer de volta à realidade os correligionários que transformaram o país numa coutada de miséria.

O rato galego

 

 

Já conhecia várias espécies de ratos, no entanto, descobri recentemente uma nova: o rato galego. Gosta de futebol, e quando é alertado por roedores amigos foge para a Galiza em busca de caramelos, marisco e tapas, pois sente a proximidade dos agentes de exterminação. Como grande contorcionista de armadilhas que é, sai de Vigo para o seu habitat natural, junto de estádios de futebol e velhos tribunais, sempre acompanhado por ameaçadoras ratazanas que o protegem eternamente.

O pesadelo

 

Sonhei com o Terreiro do Paço a ferro e fogo, inundado por milhares de pessoas indignadas pela limitação do direito de manifestação, pelo aumento da pobreza e corrupção no país. Daí ao confronto com a polícia é um ápice, numa espiral crescente de violência e ódio instigado por facções anárquicas, nacionalistas, europeístas, por apoiantes anti e pró troika ou simplesmente cidadãos anónimos fartos de austeridade, da repressão fiscal, de banqueiros oportunistas e empresários gananciosos. Entre mortos e feridos, a situação alastra a outras cidades, e perante a expectativa de invasão do vizinho espanhol e da impotência da União Europeia, acordo, afinal era na Ucrânia, mas engulo em seco sabendo que este perturbante pesadelo pode estar iminente num qualquer virar de esquina.

Rifados e bem esmifrados

 

Este é o Governo que tem vestido a pele de caça fantasmas perseguindo os fundadores dos partidos da sua coligação: primeiro foi Freitas do Amaral, agora é António Capucho. Este é o Governo que sobrecarrega os cidadãos com impostos e inventa sobretaxas, que corta nos salários da Administração Pública e nas pensões de velhice e sobrevivência aumentando a pobreza, mas num acto de altruísmo hipócrita sorteia carros aos contribuintes numa lotaria de um bazar foleiro. Este é o Governo que o povo merece, pois mesmo rifado e bem esmifrado rejubila em vestir a pele de um agente fiscal infectado com a febre do NIF na factura.

Deportações urgentes

 

A petição que exige a deportação para fora dos Estados Unidos de um jovem com voz de cana rachada a que chamam "cantor", é um dos bons exemplos de cidadania do povo americano que é salutar copiar. Aproveitemos o embalo e desterremos com urgência aquelas personagens que indirectamente ajudaram a cavar o buraco em que se encontra o país: os mentores das fraudes bancárias no BPN e BPP, o político oportunista, o ruinoso gestor público, o especulador imobiliário, o empresário ganancioso e sem escrúpulos, o chico esperto que enche o bolso à custa do erário público  e os corruptos que se infiltram nas Câmaras ou chafurdam em processos de submarinos, sendo salvos por indignos advogados e magistrados. 

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D